Diretora do Festival Panorama (RJ), Nayse López ministra oficina e mentorias no Centro de Dança do DF 06/05/2018

Da experiência de conduzir o maior festival de dança do país e um dos maiores da América Latina, e ainda de seus mais de 25 anos de atuação como curadora, Nayse López, diretora geral do Festival Panorama, do Rio de Janeiro, vem ao Centro de Dança do Distrito Federal para compartilhar conhecimentos com a classe local em duas atividades: a Oficina de Gestão, que acontece na sexta-feira, 11 de maio, das 14h às 17h, e mentorias práticas, em seis atendimentos a serem agendados para o sábado, 12 de maio. As atividades são gratuitas.

Com 15 vagas preenchidas por ordem de chegada, a Oficina de Gestão propõe repensar os modelos de festivais e mostras: um desafio conjunto entre gestores, artistas e público.

Já as mentorias, formatadas como um laboratório colaborativo de produção e promoção em dança, oferecem seis vagas, para atendimentos individuais, com duração de uma hora cada, que devem ser agendados pelo e-mail contato@centrodedancadf.com.br. Das 10h às 12h e das 14h às 18h, Nayse vai compor um ambiente de trabalho coletivo e compartilhamento de experiências, para apoiar os agentes interessados a pensar seus projetos de dança. Como recorte, está a questão “Entre o agora e o futuro: é possível planejar algo tão volátil quanto a criação artística?”.

RODADA DE NEGÓCIOS – Completando sua passagem na cidade, Nayse López participa da primeira Rodada de Negócios do Centro de Dança, também na sexta-feira, 11 de maio, às 18h. SAIBA MAIS AQUI.

FESTIVAL PANORAMA e NAYSE LÓPEZ – Com primeira edição organizada em 1992, o Festival Panorama é realizado pela Associação Cultural Panorama desde 2007 e propõe ocupar a cidade do Rio de Janeiro com dança e projetos dos mais variados formatos, apresentando as relações que o corpo constrói com o espaço, tempo e público através do movimento. Ao longo de suas mais de 20 edições, apresentou inúmeras companhias e artistas nacionais e internacionais. Pioneiro em associar arte contemporânea de ponta a preços populares, o Panorama é parte do calendário cultural da cidade e ponto de encontro de mais de 20 mil pessoas por edição. Dança, tecnologia, novas dramaturgias do corpo – tudo se conjuga para formar um festival único no Brasil. Além da programação nos teatros, são desenvolvidos projetos de ocupação de espaços não teatrais, num questionamento constante sobre o corpo e a cidade. O Panorama apoia e incentiva a produção coreográfica de artistas brasileiros e latino-americanos, abrindo espaço em sua programação tanto para nomes já consagrados como jovens iniciantes. Através de coproduções, financia a criação de peças inéditas e é uma das maiores vitrines nacionais para as artes cênicas do Brasil. Por conta de sua enorme visibilidade internacional, é visitado por dezenas de curadores e diretores de todo o mundo.

Nayse López é jornalista e curadora desde 1992. Realizou – como curadora, crítica de dança e jornalista – diversas mostras e conferências na área da dança, das artes performativas e da cooperação cultural. Desde 2001, é curadora convidada do Festival Panorama, tornando-se, em 2006, diretora geral e artística do evento e de outros projetos da Associação Cultural Panorama. É também fundadora e editora do site especializado em dança www.idanca.net.